Avaliação do perfil reprodutivo de ratos Wistar após a suplementação oral com óleo de alho

Christiane Maria Mora, Silvana Tomazoni De Oliveira, Vera Lucia Lângaro do Amaral

Resumo


Introdução: O alho é um vegetal que apresenta propriedades medicinais e tem despertado o interesse de pesquisadores no mundo inteiro. Por se tratar de um alimento de largo consumo pela população, houve o interesse de investigarmos se seus compostos interferem ou não nas funções reprodutivas masculinas. Objetivo: Avaliar se o uso de óleo do alho em diferentes doses  interfere na fertilidade de ratos machos. Métodos: Durante 60 dias, quarenta ratos machos da linhagem Wistar, divididos em 4 grupos, receberam diferentes doses de óleo de alho (Allium sativum) por gavagem. O grupo controle recebeu, também por gavagem, a dose do veículo utilizado na diluição do óleo de alho. Resultados: Os resultados encontrados no presente trabalho indicaram que houve diminuição dos níveis testosterona no grupo de dose elevada (558mg/Kg), embora não significativos. Houve aumento no tamanho dos túbulos seminíferos nos animais tratados com 27,9mg/kg e 279mg/kg e diminuição na dose mais elevada. Não foram observados sinais e sintomas que pudessem indicar toxicidade sistêmica como irritabilidade, piloereção e diarreia, entretanto houve perda de peso corporal. Conclusão: Realizados os testes, concluiu-se que a suplementação com óleo de alho, nesse estudo, em doses terapêuticas e extrapoladas, não provocou alteração nos parâmetros seminais nos animais testados. Entretanto, nos animais tratados com as doses mais elevadas houve alteração na morfologia dos túbulos seminíferos.

Palavras-chave


Análise seminal Infertilidade masculina Histologia testicular Óleo de alho

Texto completo:

PDF

Referências


Rivlin RS. Recent advances on the nutritional effects associated with the use of garlic as a supplement: historical perspective on the use of garlic. Nutrition. 2001 Nov:951-4.

Chagas FC, Zanetti JF, Oliveira VC de, Donatini RS. Allium sativum L. Na prevenção e tratamento de doenças cardiovasculares. Rev Biol. Farm. 2012 Fev;7(2):1-11.

Marchiori VF. Propriedades funcionais do alho (Allium sativum L.). Rev Usp. 2003 Jan;1(1):1-14.

Leonêz AC. Alho: alimento e saúde. [Monografia]. Brasília: Universidade de Brasília, Curso de Pós-Graduação Lato Sensu e Curso de Especialização em Gastronomia e Saúde, Centro de Excelência em Turismo; 2008.

Mendes PAP. Estudo do Teor de Alicina em Alho. [Dissertação]. Bragança: Instituto Politécnico de Bragança, Curso de Engenharia Química, Superior de Tecnologia e de Gestão; 2008.

Katsung BG. Farmacologia básica & clínica. Capitulo: X. Tópicos especiais. 9ª edição. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2006: 833-915.

Silva TM, Approbato MS, Maia MCS, Arruda JT, Approbato FC, Mendonça CR. Antioxidantes e infertilidade masculina. J. bras. reprod. assist. 2012 Jun:91-5.

Gonçalves J, Lavinha J. Cromossomo y e a infertilidade masculina. Departamento de Genética. Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge. Lisboa; 1998 Nov:365-72.

Samrsla M, Nunes JC, Kalum C, Cunha ACR, Garrafa V. Expectativa de mulheres mulheres à espera de reprodução reprodução assistida em hospital público – estudo bioético. Assoc. Med. Bras. 2007 Jan;53(1):47-52.

Amaral ACF, Rodrigues AG, Ribeiro JEG, Santos MG dos, Junior NLN. A fitoterapia no SUS e o programa de pesquisas de plantas medicinais da central de medicamentos. Ministério público. Brasília: Gráfica e Editora Ideal Ltda; 2006.

Mezadri TJ, Tomáz VA, Amaral VLL. Animais de laboratório: cuidados na iniciação experimental. Capitulo 1. Ética, bem-estar e legislação na experimentação animal. Florianópolis: Editora Ufsc; 2004.

Pachaly JR, Brito HJV. Emprego do método de extrapolação alométrica no cáculo de protocolos posológicos para animais selvagens. A HoraVeterinária. 2000;20(118):59-65.

Pachaly JR. Tratado de animais selvagens – medicina veterinária. 1ª edição. Roca: São Paulo; 2006.

Londrina, Prefeitura do município. Autorquia municipal de saúde. Fitoterapia: protocolo. 1° edição. Londrina, PR: [s.n], 2006: 73-75.

Saether T; Tran T, Rootwel H, Grav HJ, Christophersen BO, Haugen T.B. Essential fatty acid deficiency induces fatty acid desaturase expression in rat epididymis, but not in testis. J Soc Reprod Fert. 2007 Fev 1:467-77.

Oga S. Fundamentos de toxicologia. Parte 5. Toxicologia de alimentos. 2ª edição. São Paulo: Atheneu; 2003.

Rates SMK. Promoção para o uso de fitoterápicos: uma abordagem no ensino de farmacognosia. Rev. bras. farmacogn. 2001;11:57-62.

Senapati SK, Dey S, Dwivedi SK. Effect of garlic (allium satium L.) extract on tissue lead level in rats. J Ethnopharmacol. 2011 Abr. 3:229-32.

Rosen RT, Hiserodt RD, Fukuda EK, Reginald J, Zhengyi Zhou R, Lech J, Rosen SL, Hartman TG. Recent advances on the nutritional effects associated with: determination of allicin, s-allylcysteine and volatile metabolites of garlic. J Nutrition. 2001 Jan:968-71.

Marchiori, VF. Rosmarinus officinalis. Fundação Herbarium Associação Argentina de Fitomedicina: Rosmarinus Officinalis; 2004:4-35.

Oi Y, Imafuku M, Shishido C, Kominato Y, Nishimura S, Iwai K. Garlic supplementation increases testicular testosterone and decreases plasma corticosterone in rats fed a high protein diet. J Nutrition. 2001 Maio 11: 2150-6.

Bhanot A, Shiri R. A comparative profile of methanol extracts of allium cepa and allium sativum in diabetic neuropathy in mice. Pharmacognosy. 2010;2:374-10.

Iweala EEJ, Akubugwo EI, Okeke CU. Effects of ethanolic extracts of allium sativum linn. Liliaceae (garlic) on serum cholesterol and blood sugar levels of albino rabbits. Plant Product Research J. 2005;9:14-4.

Hammami I, Nahdi A, Mauduit C, Benahmed M, Amri M, Amar AB, Zekri S, El May A, El May MV. The inhibitory effects on adult male reproductive functions of crude garlic (Allium sativum) feeding. Asian J Andrology. 2008 Jul:593-601.

Memudu AE, Akinrinade ID, Ogundele OM. Retention of testicular integrity and testosterone levels upon ingestion of garlic cloves (allium sativum) in the sprague-dawley rat. Science Direct. 2015 Abr:319-323.

Chen HW, Tsai CW, Wu JJ, Sheen LY, Ou CC, Lii CK. Dietary fat and garlic oil independently regulate hepatic cytochrome p(450) 2B1 and the placental form of glutathione s-transferase expression in rats. Nutrition. 2001 Fev. 20:1438-43.

Hosseini, N; Khaki, A. Effect of Aqueous Extract Of Garlic (Allium Sativum) on sperms morphology, motility, concentration and its antioxidant activity in rats. Afinidad. 2014 Dez;80(566):201-4.

Pannocchia MA, Borella MI, Camargo ACM, Gilio JM, Silva CA. Estratégia efetiva de fixação do testículo de ratos Wistar para avaliar os parâmetros morfológicos e morfométricos do epitélio seminífero. ConScientiae saúde. 2008 Jun:227-33.

Cooper TG. Part 1 Semen analisys. Who Laboratory Manual For The Examination And Processing Of Human Semen. World Health Organization, Centre Of Reproductive Medicine And Andrology: Münster, Germany: 2010 Jan:7-205.

Hammami I, Amara S, Benahmed M, El May MV, Mauduit C. Chronic crude garlic-feeding modified adult male rat testicular markers: mechanisms of action. Biomed Central: Reprod Biol Endocrinol. 2009 Jun;1(1):1-13.

Sharlip ID, Jarow J, Belker AM, Damewood M, Howards SS, Lipshultz L, Nehra A, Overstreet JW, Sadovsky R, Schlegel PN, Sigman M, Thomas JR. Report on optimal evaluation of the infertile male: the male infertility best practice policy committee of the american urological association, the practice committee of the american society for reproductive medicineb. Fertil Steril. 2004 Set;82(1):123-30.

Valente C, Aboua G, Duplessis SS. Garlic and its effects on health with special reference to the reproductive system. In: ABOUA G. Antioxidant-antidiabetic agents and human health. 3ª edição. Africa do Sul: Intech; 2014. p. 259-577.

Banerjee SK, Maulik M, Manchanda DAK, Das TK, Maulik SK. Garlic-induced alteration in rat liver and kidney morphology and associated changes in endogenous antioxidant status. Pudmed. 2001 Ago: 793-7.

Yang ZW, Kong LS, Guo Y, Yin JQ, Mills N. Histological changes of the testis and epididymis in adult rats as a result of Leydig cell destruction after ethane dimethane sulfonate treatment: a morphometric study. Pudmed. 2006 Ma:289-99.

Machado M, Sousa A, Coelho N, Chaves D. O alho e a cebola na prevenção do câncer. CONNEPI 2010 – V Congresso de Pesquisa e Inovação da Rede Norte Nordeste de Educação Tecnológica; 2010 Nov 17-19; Maceió, AL. Maceió: 2010.

Patri P. Relato de caso: o alho como alimento funcional. Pesquisa & Tecnologia. 2012;9(1).

Gebara OCE, Vieira NW, Meyer JW, Calich ALG; Tai EJ, Pierri H, Wajngarten M, Aldrighi JM. Efeitos cardiovasculares da testosterona. Arq Bras Cardiol. 2002 Jan; 79(6):644-9.

Veldhuis JD, Carlson ML, Johnson ML. The pituitary gland secretes in bursts: appraising the nature of glandular secretory impulses by simultaneous multiple-parameter deconvolution of plasma hormone concentrations. Pudmed. 1987 Abr 9:7686-90.

Motta VT. Bioquímica clínica para laboratório: princípios e Interações. Capitulo 10 Lipídios, lipoproteínas e apolipoproteínas. 5ª edição. Rio de Janeiro: Medbook; 2009: 115-136.

Bettelheim FA, Brown WH, Campbell MK, Farrell SO. Introdução a bioquímica: tradução da nona edição norte-americana. Capitulo 24 Comunicação química: neurotransmissores e hormônios. 9ª edição. São Paulo: Cengage Lerning; 2012: 591 a 611.

Andreollo NA, Santos EF, Araújo MR, Lopes LR. Idade dos ratos versus idade humana: qual é a relação? ABCD arq. bras. 2012;25(1):49-51.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista da Associação Brasileira de Nutrição - RASBRAN